Beleriand - The First Age

RPG dos Escritos de Tolkien
 
InícioCalendárioFAQBuscarMembrosGruposRegistrar-seConectar-se

Compartilhe | 
 

 2° Nível - Gatholgrór ou Zahargrór

Ir em baixo 
AutorMensagem
Grór I

avatar

Mensagens : 42
Data de inscrição : 02/08/2010

MensagemAssunto: 2° Nível - Gatholgrór ou Zahargrór   Qui Ago 12 2010, 22:04

Gatholgrór ou Zahargrór
Na região mais alta de Bar-en-Naugla e do monte Dolmed estava uma muralha de pedra e um portão, que privatizavam aquela área para o Rei. Alí ficava o acesso para o subsolo da cidade, assim como o altar com o trono do rei. Não havia telhado, e por isso o trono não era feito de tecido, e sim forrado. A frente do trono, do outro lado da sala, estava o Zahargrór, o Palácio de Grór, onde servia de moradia para o rei (3° Andar) , e , no mesmo ambiente,a sede do Parlamento, onde eram realizadas reuniões pelos partidos (no 2° Andar), e Salão de Festas (1°Andar)

Atrás do Altar circular de pedra onde ficava o trono do Rei estava duas escadas que se ocultavam circundando o trono real, e davam para o subsolo. Ali pouquíssimos entravam, e muito menos a escada ficava aberta.

Ali haviam poucos guardas, e a grande maioria tinha de ter um estudo superior assim como sua mente, para poder memorizar os Lordes e Nobres, saber distingui-los e serem fiéis ao Rei.


Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Grór I

avatar

Mensagens : 42
Data de inscrição : 02/08/2010

MensagemAssunto: Re: 2° Nível - Gatholgrór ou Zahargrór   Sab Ago 14 2010, 19:36

Estava sentado Bwalin, afundado em seus pensamentos, com o rosto apoiado pela mão esquerda apoiada no trono de Grór I, quando foi interrompido. Chovia intesamente, como na noite em que fincou seu punho no chão, e lembrou-se esquecendo da atualidade do seu discurso inédito sobre onde agora estava sentado. Chegaram três anões, a cerca de um metro de distância um do outro, e como sombras aproximaram-se a passos silenciosos e rostos estranhos e concentrados de frente a cadeira de Grór I. Eis eles: Nâl (a esquerda do grupo), Dwinfur (no centro do grupo) e Nárn (na direita do grupo). Chegaram ao batente do Altar do trono, e ali pararam, levando seus braços em direção a Bwalin lentamente e frio como o gelo. Bwalin quase saltou, finalmente acordando de seus temerosos sonhos, e parecia saber o que acontecia. Eis então que Nâl falou com sua voz pesada e profunda, com seus olhos cintilantes e a expressão de um maníaco.


_

Bwalin, regente de Gatholgrór, aqui estão presentes Nâl, Dwinfur e Nárn, líderes principais e mais influentes do Parlamento de Grór, que reconhecem seus títulos de O Justo e Senhor dos Campos. Contudo, Somente Grór há de oficializa, e até lá só le é permitido desfrutar dos títulos de Senhor dos Campos, ganhando porcentagens significantes desse setor, uma vez que o título de O Justo teria como função a de Juíz-Supremo, que seria encarregado de processos e coisas relacionadas aos juízes.

_


Bwalin sorriu, e o sono deu no lugar de seu sangue nobre o orgulho e se tornou ambicioso por um tempo. Sorriu por muito tempo, rindo baixo consigo mesmo, até que apagou novamente, e dali só acordou de dia, sem que ninguém tenha se incomodado com sua figura adormecida no trono real.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Grór I

avatar

Mensagens : 42
Data de inscrição : 02/08/2010

MensagemAssunto: Re: 2° Nível - Gatholgrór ou Zahargrór   Ter Out 05 2010, 19:41

Era dia, tinha acabado de amanhecer, quando os portões do segundo nível se abriram em estrondos. Bwalin quase pulou da cadeira ao ver Grór I andando rapidamente com centenas de outros anões atrás dele, as mais importantes figuras de Bar-en-Naugla e Belegost. Bwalin se levantou com esforço, principalmente dos braços, e esperou por Grór I com os braços abertos. Não era rei, nem senhor, e não devia ter ficado no meio, mas Grór I não o puniu, apenas o abraçou para não o desgostá-lo e desabou em sua poltrona, totalmente desleixo. O Trono brilhou, a sala encheu-se de esplendor e poder, tanto físico quanto visual. Grór I apenas chamou Bwalin com as mãos e esse obedeceu prontamente. Grór I, contudo, não esperou que ele falasse.

_

Chame Dinfûr, e traga-me o relatório de minha ausência.
_

Após um tempo, Dinfûr apareceu. Fez uma longa reverência e esperou uma ordem.

_

Deseja retomar seu antigo e importante cargo no parlamento?
_


_

Claro, meu Senhor. Aquilo com Celegorm foi pura eventualidade.
_


_

Pois então faça-me o relatório que Bwalin não concluiu, e logo em seguida parta para Belegost. Quero informações. Se os resultados forem bons, será reaceito!
_


_

Obrigado, Senhor!
_


Terminou Dinfûr com uma voz forte e respeitosa, com os olhos marrons cintilando enquanto curvava-se e beijava a mão de Grór. Mais tarde, Bwalin e Nâl vieram lado a lado com um anão de estatura média, cabelos loiros encoracolados, testa redonda e volumosa, olha parcialmente cabisbaixo e barbas loiras e encoracoladas, límpidas e elegantes. Todos fizeram reverência, e Bwalin pôs-se a falar, estendendo a mão com tamanho respeito em direção a Grór I em seu trono.

_

Senhor de Bar-en-Naugla, Vice-Rei de Belegost, Líder dos anões de Beleriand, nós trazemos as novidades de Dinfûr: - Abriu um pergaminho recente e leu - "Notícias do Reinado da casa de Azaghâl na ausência de Grór I a sua capital e seu trono: 1°) Relevante a Bwalin. Foi concebido os títulos de Senhor dos Campos, com o cargo de administração dos campos e coleta de tributos dos mesmos, e O Justo, que não passa do nome. Vossa Majestade tem o direito de validar ou não esses títulos; 2°) Foi aderido um novo partido, o Partido Inferior que responde aos pobres da cidade, seu líder deve ser Trumfkin, anão que propôs essa ideia, que também terá o poder de . Essa decisão cabe ao voto do Monarca, uma vez que os Lordes votaram contra e os Nobres a favor, ficando 1x1"
_


Grór I refletiu consigo mesmo enquanto coçava o ceixo com sua mão utilizando uma luva de couro. Pensou, mas na verdade já tinha a resposta. A mão de Bwalin começou a descer, pelo cansaço, e sua expressão límpida tornou-se anseio. o Anão loiro ergueu os olhos e sorriu maliciosamente enquanto Nâl ficava com uma expressão cada vez mais raivosa.


_

Dou a Bwalin o título de [i] Senhor dos Campos
com seus devidos méritos e prêmios, o de Justo está negado pois deve provar isso, já que esse título interfere no setor jurídico. O segundo item também está aceito, dispensados!
_


o Anão loiro, Trumfkin, sorriu novamente. Todos saíram e o dia se seguiu normal.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Grór I

avatar

Mensagens : 42
Data de inscrição : 02/08/2010

MensagemAssunto: Re: 2° Nível - Gatholgrór ou Zahargrór   Sex Nov 26 2010, 18:18

A névoa preta começava a bloquiar alguns pontinhos do céu por cima de Gatholgrór. Fergi chegou correndo aos portões, cujo acesso foi negado por dois guardas que se puseram no caminho feichando a abertura com seus enormes escudos de aço. Fergi, pelos primeiros minutos ali, não falara nada, e sim se apoiara com a mão esquerda no canto do portão. Ele estava ofegante, pois seu bói não conseguia subir a bruta inclinação até Gatholgrór. De repente chegara Nâl, trajado dos trajes típicos dos lordes, que pusera a mão direita no ombro esquerdo de um dos guardas, falando com uma voz calma, paciente mas forte.


_

Kardir, o quê está acontecendo aqui?
_


_

Milorde, este louco apareceu agora mesmo. Já o perguntamos o que veio fazer aqui mas...
_


_

Deixa ele comigo, Kardir.
_


Fergi inclinou seu tronco uns 75 graus, colocando as mãos em sua coxa para ganhar sustentabilidade. Ele logo levantara a mão direita com a palma virada para Nâl, pedindo para que esperasse. Nâl levantou as sombrancelhas e quase mandara fechar o portão quando Fergi finalmente falou.


_

Figuras negras! Figuras negras nas montanhas lá longe! Mesmo que demorem para chegar ainda são muitos!
_


Nâl ergueu a sobrançelha, desconfiando.

Estava Grór I sentado em seu trono quando Nâl adentrou o salão acompanhado de um Fergi, ao sudoeste de Nâl, e quatro guardas, dois de cada lado de Nâl. A frente de Grór I estavam cerca de cinquenta anões entre guardas, lordes e nobres, além do novo tipo de parlamentares: os Trabalhistas, que representavam o Partido Inferior. Nâl se ajoelhou quase tão rápido que Grór I ficou se perguntando de ele teria realmente se ajoelhado. Mas antes que pudesse perguntar, Nâl apressou-se.



_

Senhor, estou acompanhado de um anão camponês que afirma ter avistado figuras negras em uma "rachadura" entre as montanhas.
_


Grór I olhou estranhando o rapaz. Ele se levantou facilmente e levantou um machado, pondo-o no queixo de Fergi, e viu o medo nos olhos do sujeito, não por causa de Grór e seu machado, e sim por causa dos orcs. Grór I abaixou o machado e gritou para os seus soldados, lordes e nobres.

_

Este rapaz não mente! LORDES, reúnam os soldados e ponham-os em posições. NOBRES, aconselhem e acolham os civis aqui em cima. TRABALHISTAS, ajudem aos camponeses a retirarem seus pertences mais valhiosos lá de baixo. VAMOS, TODOS ANDANDO!
_


Com o grito de Grór I todos começaram a correr desesperadamente procurando como realizar suas tarefas.
Voltar ao Topo Ir em baixo
Ver perfil do usuário
Conteúdo patrocinado




MensagemAssunto: Re: 2° Nível - Gatholgrór ou Zahargrór   

Voltar ao Topo Ir em baixo
 
2° Nível - Gatholgrór ou Zahargrór
Voltar ao Topo 
Página 1 de 1

Permissão deste fórum:Você não pode responder aos tópicos neste fórum
Beleriand - The First Age  :: Área On [Reinos e Cidades] :: As Montanhas Azuis :: Bar-en-Naugla, Monte Dolmed-
Ir para: